Queridos crismandos, criamos este espaço virtual com muito carinho, para que você jovem possa identificar-se com o conteúdo, reconhecer como um ponto de encontro virtual. Aqui você poderá interagir com os monitores, com as idéias abodadas nos encontros, além de opinar, discutir, ver momentos interessantes que irão acontecer nos encontros ao longo deste curso de preparação. Enfim, este deve ser um espaço construído por você com suas idéias, sugestões entre tantas outras formas de contribuição para o crescimento do grupo.

Aqui você terá acesso as fotos dos eventos e turmas. Poderá ainda enviar mensagens de carinho aos colegas ou aos monitores. Terá ainda acesso ao calendário dos eventos. É possível ainda aprofundar seus conhecimentos sobre Doutrinas, e participar das enquetes para demonstrar o que sente.

Esperamos poder contar com sua participação!

sábado, 8 de dezembro de 2012

3

Paróquia São Pedro e São Paulo: Peço que divulguem essa nota:

Paróquia São Pedro e São Paulo: Peço que divulguem essa nota:: Não existe nenhuma campanha da Paróquia São Pedro e São Paulo arrecadando dinheiro para reforma na Igreja Matriz. O único recurso que t...

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

0

Depoimento: Não esqueci o aborto que fiz



Hoje recebemos a visita de Raquel, que nos fez um depoimento emocionado das consequências pessoais em sua vida de ter realizado um aborto na adolescência.
Aqueles que defendem a morte levantam a bandeira que o aborto é uma solução que resolve uma gravidez indesejada definitivamente, não trazendo consequências posteriores, mas sabemos que isto não é uma verdade absoluta. Além de problemas fisiológicos, inclusive infertilidade, problemas psicológicos surgem pela experiência traumática que é a morte de uma criança no útero materno.

domingo, 21 de outubro de 2012

0

Fugir dos maus companheiros (São João Bosco)



Há três espécies de companheiros: os bons, os maus e os que não são totalmente maus, mas nem são bons. Com os primeiros podeis entreter-vos e tirareis proveitos; com os últimos, tratai quando houver necessidade, sem contrair nenhuma familiaridade. Quanto aos maus, esses devemos absolutamente evitar. Mas quais são esses maus companheiros? Prestai atenção e ficareis sabendo quais sejam.
Todos os jovens que na vossa presença não se envergonham de ter conversas obscenas, de dizer palavras equívocas ou escandalosas, murmurações, mentiras, juramentos vãos, imprecações, blasfêmias, ou então procuram afastar-vos das coisas da igreja, os que vos aconselham a roubar, a desobedecer aos vossos pais ou a transgredir algum dever vosso, todos esses são maus companheiros, ministros de satanás, dos quais deves fugir mais do que da peste e do diabo em pessoa.

sábado, 20 de outubro de 2012

0

Um mentiroso cruel

O czar Nicolau, que há cem anos governou o império russo, foi um dos homens mais sanguinários. A sua crueldade arrancou a vida a milhares de filhos da Igreja Católica; maior, porém, foi o número dos que tiveram uma morte lenta nos trabalhos forçados e nos horrendos cárceres do clima horrível da Sibéria.
Entretanto, diante dos reis europeus e sobretudo diante do Soberano Pontífice, fazia sempre alarde de sentimentos religiosos e humanitários. Indo a Roma, o poderoso e sanguinário czar foi recebido em audiência por sua Santidade o Papa Pio IX. O Pontífice perguntou-lhe como tratava os católicos. E o czar, com a mais vil hipocrisia, respondeu:
- Muito bem, Santíssimo Padre.
Não pôde o Papa sofrer a vileza daquele coração traidor. Levantou-se de seu trono, fitou o poderoso imperador com majestosa dignidade e com voz forte e enérgica disse:
- Mentis!
O imperador russo não pôde conservar-se em pé; ficou com que aniquilado... e saiu dali aterrado, como se uma tempestade tivesse estalado sõbre sua cabeça e o fogo de um raio o ameaçasse. Desceu ràpidamente as escadas do Vaticano e foi ocultar-se no palácio em que se hospedava.
Também a vós, milhares de cristãos... também a vós, milhares de católicos... pergunta o vigário de Jesus Cristo:
- Amais a Jesus Cristo?
E respondeis com hipócrita serenidade:
- Amamos!
- Mentis! vos dirá o Papa e com razão, pois:
Não sois vós que profanais os dias santos de guarda?... Não sois vós que abandonais a oração e os Sacramentos?... Não sois vós que desprezais os Mandamentos divinos?...
E não mentis aos homens, mas a Jesus Cristo... ao próprio Deus!...

sexta-feira, 19 de outubro de 2012

0

Vigilância constante (Mt 7,15-20)



Vigilância constante.
Conosco mesmo e com os outros. Precisamos estar vigilantes, pois são muitas as pessoas que se encontram com dúvidas de fé, um vazio existencial ou até mesmo convicto na fé, porém também são muitos que vêm vestidos com peles de ovelha, mas por dentro são lobos ferozes. E como iremos descobrir?Vós os conhecereis pelos seus frutos.
E quais são estes frutos? São Paulo já nos ensina quais são estes frutos: o fruto do Espírito é caridade, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança, bondade, justiça, e verdade.

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

0

COMENTARIO A LAS SIETE IGLESIAS DEL APOCALIPSIS

La eximia figura del Cardenal Billot apenas si necesita presentación o recomendación. Baste con decir que es generalmente considerado el más grande teólogo del siglo XX. Sin embargo, en lo que atañe al presente trabajo, debemos afirmar desde ahora nuestras diferencias, sobre todo en lo que respecta a las dos últimas Iglesias. Tal vez, con el paso del tiempo daremos a conocer nuestra visión no sólo de las 7 Iglesias sino también del Apocalipsis en su conjunto y de todo lo relacionado con estos temas.
A pesar de lo dicho, creo que es una opinión que no se debe ignorar y, hasta donde sabemos, no ha sido traducido al español.
Tener en cuenta a la hora de juzgar este ensayo, la fecha en que fue publicado y todo lo que ha sucedido desde entonces.

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

0

Os caminhos da Jornada Mundial da Juventude no Brasil



Que a Jornada Mundial da Juventude será em 2013, de 23 a 28 de julho, na cidade do Rio de Janeiro, já não é novidade para muita gente. O que muitos não sabem é que ela não se limita apenas a estes dias. Logo depois do anúncio oficial feito pelo papa Bento XVI para realização da Jornada no Rio, todo o país, de forma especial a Igreja no Brasil e as 276 dioceses, nos seus 17 Regionais, já estavam trabalhando.
O Projeto “Bote Fé”, por exemplo, que tem como carro chefe a peregrinação dos símbolos da JMJ (Cruz e o Ícone de Nossa Senhora), se realiza no território brasileiro, levando aos jovens o clima que envolve este que é o maior encontro de Bento XVI com a juventude católica de todo o mundo.

terça-feira, 16 de outubro de 2012

0

Fé racional

O papa João Paulo II, na "Fides et Ratio" ( = Fé e Razão) acaba de insistir contra uma Fé que dispense a razão.
A verdadeira Fé não pode reduzir-se a um sentimento subjetivo, isso é irracional, infantil, inumano. 
A Fé tem que apoiar-se em bases racionais, corroboradas pela Ciência humanas ( que também pode-se aplicar a palavra Parapsicologia.
É repetir o que já havia sido afirmado muitas vezes, e proclamado principalmente pelo Concilio Ecumênico ( = universal) de Trento (1535-1563, em três etapas), concretamente contra Lutero: sem base racional a Fé é vã.
Esclarecemos os conceitos: Religião, do latim religare, atar bem, amarrar. 

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

0

Bento XVI concede Indulgência plenária por ocasião do Ano da Fé

Por ocasião do Ano da Fé, o Papa Bento XVI concede o dom da Indulgência Plenária.
A Penitenciaria Apostólica estabeleceu as seguintes disposições para obter a Indulgência plenária válidas de 11 de outubro de 2012 a 24 de novembro de 2013:
Poderão obtê-la todos os fiéis verdadeiramente arrependidos, que tenham expiado os próprios pecados com a penitência sacramental e elevado orações segundo as intenções do Sumo Pontífice:
0

Dilma contra a parede. “Não há uma terceira alternativa”

Acontece que a organização Cunhã Coletiva Feminista recebe incentivo financeiro do governo federal, mais especificamente da Secretaria de Política para as Mulheres, da ministra Eleonora Menicucci.
Quem abre o site www.cunhanfeminista.org.brdá de cara com um protesto contra o PL 487/2007, que pretende instituir, no Brasil, o Estatuto do Nascituro – do qual já falamos aqui, em outra ocasião. Também, não é para menos. O site é de uma organização abortista, cuja missão seria “defender a igualdade de gênero, tendo como referências (…) feminismo, a justiça social e a democracia”.Quem faz o alerta é o padre Paulo Ricardo. Além desta organização feminista, outras cinco recebem dinheiro do governo (em torno de 4,5 milhões de dólares!), para lutar pela descriminalização do aborto: são a CFEMEA (Centro Feminista de Estudos e Assessoria), o Instituto Patrícia Galvão, a Rede de Desenvolvimento Humano, o Coletivo Leila Diniz – que traz cobertura da Marcha das Vadias na capital do Rio Grande do Norte – e o Instituto Mulher Negra. Todas têm um compromisso em comum: defender os “direitos” reprodutivos da mulher.
0

Divórcio à vista

A língua solta já pôs a perder muito do que um dia se chamou de amor.
O que vi naquele avião foi o claro começo de um divórcio. Diante de todos a discussão prosseguiu por quase três horas. Ele pedindo que ela parasse e deixasse para conversar quando chegassem e ela insistindo que ele respondesse ali, diante de todos às suas perguntas. Situação vexatória para todos os casais ali presentes. A uma senhora que tentou falar com ela dizendo que não é assim que se revolvem os conflitos de um casal ela gritou que calasse a boca. Os outros casais disseram a ela que quem deveria se calar era ela que estava visivelmente fora de si.

domingo, 14 de outubro de 2012

0

Um ano todo de fé!

No dia onze de outubro, o Papa Bento XVI fará a abertura do “Ano da Fé”, em Roma, para comemorar com toda a Igreja os cinquenta anos da abertura do XXI Concílio Ecumênico Vaticano II e, os vinte anos da publicação do Catecismo da Igreja Católica. Dois acontecimentos importantes na metade do século XX, que continuam a repercutir no início do Novo Milênio e, cujos frutos ainda não foram plenamente ceifados.
0

RELIGIÃO E POLÍTICA PARTIDÁRIA

A Igreja Católica como instituição não tem candidatos nem partidos nesta eleição de 2012. A missão da Igreja Católica como instituição no campo político é ajudar e fortalecer critérios éticos para as escolhas e a ação política: a justiça, a solidariedade, a dignidade humana, o respeito à pessoa, a defesa e a inclusão dos membros mais frágeis e desprotegidos da sociedade. A Igreja Católica tem como tarefa iluminar as consciências dos cidadãos, despertando as forças espirituais e promovendo os valores sociais, através da pregação e do testemunho. O papel da Igreja é a formação da consciência ética e o estímulo para que os cristãos leigos e leigas participem ativamente na política como cidadãos brasileiros. A Igreja não concorda com a militância político-partidária de membros do clero diocesano e de institutos religiosos. (Puebla No.524 e Doc. CNBB No. 22). A militância político-partidária dos padres conflita com a sua missão própria de configuração ao Cristo-Pastor (cf. Carta aos Presbíteros, n.41, Doc. CNBB n.75). O Direito Canônico é taxativo: “Os clérigos são proibidos de assumir cargos públicos que implicam participação no poder civil” (Cân 287, inciso 2º.) No governo civil há divisões, antagonismos, conflitos, inimizades, confrontos, desrespeito etc. Enquanto na Igreja do Senhor a comunhão e a unidade são fundamentais. Portanto, já é tempo de membros de igrejas protestarem contra a política de partidos que entram em várias igrejas fazendo delas comitês eleitorais. É razão de escândalo quando um padre ou pastor instrumentaliza o seu ministério para candidatar-se ou em favor de um candidato de um partido específico. O padre ou pastor como cidadão pode fazer campanha e deve participar das eleições; o que não pode e não deve fazer é tirar proveito de seus fiéis nas igrejas para se eleger ou eleger seu candidato. É intolerável ver um padre ou pastor “obrigando” seus fiéis a votar nele ou em candidato indicado por ele. A liberdade de consciência dos fiéis tem que ser respeitada sempre nesta área.
0

Patrística - Filosofia Cristã elaborada pelos Pais da Igreja

Patrística 
É o nome dado à filosofia cristã dos primeiros sete séculos, elaborada pelos Padres da Igreja, que são os primeiros estudiosos da Escritura e os mais antigos testemunhos da fé da Igreja e da vida cristã, a ponte que une a Tradição Apostólica às gerações cristãs posteriores. 
Foram eles, os Pais da Igreja, responsáveis por confirmar e defender a fé, a liturgia, a disciplina, criar os costumes e decidir os rumos da Igreja, ao longo dos sete primeiros séculos do Cristianismo. 
É a Patrística, basicamente, a filosofia responsável pela elucidação progressiva dos dogmas cristãos e pelo que se chama hoje de Tradição Católica. Os Escritores dos primeiros séculos nos permitem voltar às origens cristãs, o que se chama comumente de volta às fontes.

sábado, 13 de outubro de 2012

0

A ética e o dom de si



- “Vinte e nove dias de alegrias e um dia de tristeza”. Esta afirmação veio do coração de uma professora aposentada, ainda jovem, em referência ao seu trabalho educacional, de muitos anos, na condução de crianças e jovens no seu processo de educação básica. Na verdade, contou a professora, este era um dito corrente entre as demais professoras em referência ao dia do pagamento e àqueles outros dias da prazerosa labuta educacional nas escolas. A alegria de ser uma família. O encantamento nascido da participação construtiva no desabrochamento de vidas. O gosto de cuidar da vida de cada educando, transmitindo ensinamentos e experiências, como o pedreiro que faz o alicerce de construções a serem edificadas. O contexto da conversa abordava a estranheza que causa ao ver, hoje, a predominância de um interesse até doentio que o salário a receber desperta no coração das pessoas. Não se questionava, absolutamente, o direito da própria remuneração, digna e adequada para o sustento da vida, fruto do próprio trabalho. Esta é uma luta sem fim pedindo comprometimento de todos para que a justiça seja feita, princípios equânimes sejam estabelecidos, a igualdade seja alcançada e a dignidade humana respeitada.